quarta-feira, 21 de abril de 2010

1980 - Aquarela do Brasil

Comentário sobre o disco "Aquarela do Brasil"
Por Doug Carvalho, Tiago Marques e Fábio Coutinho


Gal Costa estava em plena turnê do show "Gal Tropical" quando "Aquarela do Brasil" foi lançado. A brasilidade proposta no disco "Água Viva" e que se intensificou em "Gal Tropical" é levada ao extremo nesse disco, que reúne composições extraídas unicamente do repertório do compositor Ary Barroso. Ary, autor de grandes sambas ditos "ufanistas", os "sambas-exaltação" não poderia ser melhor para personificar a nova fase da carreira de Gal Costa. Reunindo alguns sambas tipicamente nacionalistas de Ary e canções românticas, "Aquarela do Brasil" é o segundo songbook da carreira da cantora. Com arranjos que fogem bastante dos originais lançados entre as décadas de 30 e início de 60, o disco traz grandes clássicos da MPB, como "Camisa amarela", "Folha morta" (num arranjo bluesly, diferente do estilo samba-canção das gravações de Dalva de Oliveira e Jamelão), "No tabuleiro da baiana", "Na Baixa do Sapateiro", "Inquietação, "Tu" e, acima de todas, o maior clássico brasileiro, "Aquarela do Brasil", numa empolgante interpretação de Gal.
O disco, que não teve show de divulgação, foi bem recebido pelo público, e foi sucesso de vendas. Curiosidades são os pequenos erros: em "É luxo só", no breque da música, em que os cantores cantam "Eta mulata bamba!", Gal possivelmente não entendeu o que escutou nas gravações originais e mandou um estranho "Eta mulata quando, ah!". Outra curiosidade está no samba "Faceira". Primeira canção a fazer sucesso na voz do cantor Sílvio Caldas, em 1931, o Caboclinho Querido, Gal não canta a segunda estrofe na sua gravação, que diz:

"Quando rompe a batucada
Fica a turma adormecida
O pandeiro não dá nada
A barrica recolhida
Sua cantoria
Faz falar a bateria
Faz cantar o tamborim
Vem pro samba, vai por mim"

3 comentários:

Pandora Plus disse...

OLá, por favor, por onde anda Gal?
Está sumida...
Obrigada e parabéns pelo Blog

Cleicia disse...

Pandora, eu que agradeço sua visita e gentileza.

Então, sobre sua pergunta. Gal ainda não está com um projeto atual, mas saiu na Folha de SP que muito em breve teremos um CD novo, com direito a show. (Eu aguardo ansiosa!) E ainda será melhor, pois este projeto deverá ser produzido por Caetano Veloso.

Mas no ÍNDICE GERAL, vc poderá acompanhar de perto tudo que sai na imprensa sobre as atualidades sobre sua carreira. É só acessar NOTÍCIAS ATUAIS e ficará por dentro das atualidades e novidades, sobre a carreira dela.

Um beijo e volte sempre!
Cleicia.

ADEMAR AMANCIO disse...

Lindo disco de gal,sem nenhum apelo comercial.